Serviço de DIP e Clínica Médica promovem debate sobre febre amarela no HUCFF

Para debater sobre a febre amarela, o Serviço de Doenças Infecto-Parasitárias (DIP) e a Clínica Médica do Hospital Universitário Clementino Fraga Filho (HUCFF) realizam um debate sobre o tema. O evento acontece no próximo dia 23, às 10h30, no auditório Alice Rosa. Confira abaixo a programação:

  • Alexandre Otávio Chieppe, da secretaria estadual de saúde: Epidemiologia da febre amarela no estado do Rio de Janeiro
  • Alberto Chebabo, do Serviço de DIP do HUCFF: Apresentações clínicas
  • Professor Celso Ramos Filho: Vacina da febre amarela
  • Marta Cavalcanti, chefe do Serviço de DIP do HUCFF: Fluxo de atendimento e manejo clínico no HUCFF

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Assistência

Atende 42 especialidades médicas e 23 programas em alta complexidade. Possui um Programa de Transplante credenciado no Sistema Nacional de Transplante do Ministério da Saúde, para transplantar rim, fígado, córnea e medula óssea. Tem capacidade instalada atual de 250 leitos, com potencial para até 450 leitos ativos, na dependência do resgate de áreas não utilizadas e investimento em recursos humanos. Realiza por mês cerca de 20 mil consultas ambulatoriais, 450 cirurgias, e 700 internações.

Ensino

Recebe estudantes de graduação das diversas unidades acadêmicas da UFRJ. Por ano, oferece 200 novas vagas para o Programa de Residência Médica e 31 vagas para Residência Multiprofissional em Saúde. Campo de treinamento e formação de 1.795 alunos de graduação e pós-graduação, além de 333 residentes. A Residência Médica do HUCFF é uma das mais procuradas do país. O concurso para 2012 teve 2.230 candidatos inscritos para 206 vagas. Entre os cursos mais procurados estão o de Clínica Médica e Cirurgia Geral.

Pesquisa

O HUCFF abriga importantes laboratórios onde são desenvolvidas produções científicas e publicação de artigos. As recentes conquistas no setor de pesquisa são uma prova de que o hospital tem levado a sério o compromisso de garantir mais qualidade de vida a seus pacientes. É conhecido como um dos principais pólos de produção e disseminação de conhecimento saúde no estado e no país, além de conquistar crescente projeção internacional.