HUCFF comemora início das obras

 

banheiro ambulatorio ppConsiderado um dos maiores hospitais em volume de consulta do Rio de Janeiro e marcado pela referência em ensino, pesquisa e procedimentos de alta complexidade, o Hospital Universitário Clementino Fraga Filho (HUCFF) comemora o fim de um cenário desolador com a retomada de 12 obras emergenciais. Com capacidade para 500 leitos, a unidade hospitalar, que foi fundada em março de 1978 e teve a ala sul do prédio implodida em 2010, conta com inúmeras adversidades impostas pelos problemas de infraestrutura e falta de recursos, entre elas, o número reduzido de leitos ativos, salas de cirurgia e profissionais para atender a 42 especialidades e 23 programas de alta complexidade.

Para reverter o cenário de degradação, o diretor Eduardo Côrtes vem tomando medidas significativas desde a sua posse, que ocorreu em janeiro de 2014 com o apoio de todos os profissionais de saúde da unidade para implantar melhorias que favoreçam a normalização de todos os serviços, entre elas, o plano de reestruturação do prédio por meio de obras.
O Serviço de Engenharia do Hospital acredita que as obras vão impactar diretamente na qualidade do atendimento, conforto e segurança dos pacientes, além de aumentar significativamente o número de leitos do hospital, o que vai resgatar a credibilidade e esperança em todos aqueles que dependem do HUCFF.

Entre as principais obras que terão início nos próximos dias estão as reformas da recepção, espera, sanitários e outros do CTI, recuperação do teto da triagem, da unidade de psiquiatria, do Serviço de Medicina Física e Reabilitação, dos sanitários do Ambulatório, Centro Cirúrgico, telhado do 13º andar, rede de água quente e fria da Residência Médica, Medicina Nuclear e pintura da fachada externa do bloco F e a base do tanque de nitrogênio.

Sobre as obras
Em novembro de 2014, a unidade hospitalar realizou 13 pregões de obras e serviços de engenharia, por meio da Comissão Permanente de Licitação e economizou cerca de R$ 650 mil, o que ainda é considerado pouco se comparado ao que o HUCFF precisa para reestruturar todo o prédio, um valor estimado em R$ 150 milhões. Apesar da economia, a quantia que seria disponibilizada para a realização das obras não foi recebida e serão realizadas por meio de economia da atual gestão que usará os recursos próprios do hospital, o que valoriza ainda mais este grande acontecimento histórico.

Serviço de Fisioterapia Promove Oficinas de Saúde para as Mulheres

news dia da mulher1

 

No dia 8 de março é celebrado o Dia Internacional da Mulher e, para comemorar a data em grande estilo e melhorar a qualidade de vida do público feminino, o Serviço de Fisioterapia do Hospital Universitário Clementino Fraga Filho (HUCFF) proporcionou aos pacientes, acompanhantes e funcionários no hall da ouvidoria e na portaria principal da unidade, inúmeras oficinas de cuidados com a saúde da mulher.

Com o auxílio da Divisão de Apoio Assistencial (DAA), foram realizadas inúmeras atividades como, medição da pressão arterial, autoexame das mamas, massagem facial e corporal, maquiagem, medição de glicose e Índice de Massa Corporal (IMC), pilates, correção postural e alongamento com bola.

De acordo com a Chefe do Serviço de Fisioterapia, Renata Guimarães, as oficinas tiveram resultado positivo entre o público interno que aproveitou a oportunidade para dar mais atenção à saúde. "Aproximadamente 315 pessoas participaram da nossa oficina, o que é considerado uma grande conquista pelo fato de termos alcançado uma aprovação de maneira geral. Além disso, acredito que o mais importante disso tudo tenha sido incentivar o público feminino a se cuidar mais por meio do atendimento a diferentes áreas da saúde, desde o controle da glicose até a orientação postural", conclui Renata.

Programa de Residência Médica e Multiprofissional 2015

news residencia 1O Hospital Universitário Clementino Fraga Filho (HUCFF) deu início na manhã da última segunda-feira (2) ao Programa de Residência Médica e Multiprofissional 2015. Ao todo foram aproximadamente 160 vagas preenchidas direcionadas para as áreas médica, cirúrgica e clínica. 
 
Em abertura oficial das atividades que aconteceu nos auditórios Alice Rosa (12º andar) e Halley Pacheco (8º andar), Eduardo Côrtes, o diretor geral da unidade explicou que o hospital de 110 mil m² é referência em casos de alta complexidade e, por isso, funciona como uma importante campo de treinamento para o ensino e pesquisa e, além disso, tem a missão de oferecer um atendimento de qualidade à população apesar de todas as dificuldades que vem enfrentando ao longo dos anos.
 
A importância de humanizar o ensino e a formação destes profissionais que atuarão com pacientes, por vezes muito debilitados, também foi destacada na fala de apresentação do diretor que mostrou a atual realidade do hospital, bem como a precariedade na estrutura por falta de verbas e o empenho que todo o profissional precisa ter para adquirir qualificação e incorporar respeito através do esforço, determinação e amadurecimento que devem ser aperfeiçoados para fazer a diferença no dia a dia. Para isso, cada um deve vencer seus medos, tratar os colegas e os pacientes com cortesia e ter contato com o conhecimento. “Talento é igual a uma pedra bruta que pode ser lapidada.. Afinal, quanto mais você treina e se dedica, mais forte você fica”, afirmou Côrtes.
 
A residência
Com programas que duram até 5 anos, A Residência Médica do HUCFF é uma das mais tradicionais do Rio de Janeiro, criada em 1978, possui cerca de 300 residentes distribuídos em 42 especialidades e áreas de atuação.
 
Já o Programa de Residência Integrada Multiprofissional em Saúde associa-se ao movimento promovido pelo Ministério da Saúde, em conjunto com o Ministério da Educação, com vistas à formação de profissionais para atender aos princípios do Sistema Único de Saúde, em especial ao princípio da Integralidade da Atenção à Saúde.

25 anos de Residência Médica em Neurocirurgia

Neurocirurgia Equipe newsO programa de residência médica em neurocirurgia do Hospital Universitário Clementino Fraga Filho (HUCFF) completa 25 anos com importantes conquistas que promovem a qualidade no treinamento e a formação prática e teórica de especialistas de casos de alta complexidade em tratamento de doenças vinculadas ao sistema nervoso central e periférico.

Com o objetivo de promover uma formação aprofundada na área, o programa é considerado o "padrão ouro" da especialização médica por ser realizada no período de até 5 anos sob a orientação de renomados médicos de elevada qualificação ética e profissional, o que contribui para a capacitação, o desenvolvimento e a execução de programas de assistência, ensino e pesquisa em todas as áreas de abrangência da neurocirurgia.

 De acordo com Cesar Andraus, neurocirurgião e coordenador do programa de residência medica da unidade hospitalar, o programa faz parte de um excelente campo de treinamento por ampliar e estimular o ensino, estimular o estágio em território nacional e internacional, dar continuidade ao trabalho de pesquisa, entre outros. Por isso, o coordenador afirma que o programa se empenha para prestar um serviço qualificado e motivado a receber novos médicos graduados e transformá-los em grandes cirurgiões.

Apesar das inúmeras dificuldades enfrentadas diariamente, como o número reduzido de leitos, a falta de vagas no CTI e agendamento de exames pré-operatórios, os residentes também vestem a camisa do HUCFF e se empenham junto juntamente com a equipe médica do serviço e a Direção Geral do Hospital para que uma série de medidas sejam tomadas diariamente para o bom funcionamento da Neurocirurgia, entre as conquistas mais recentes: o reparo do neuronavegador e do sistema de transmissão de imagem do microscópio, aquisição do Arco Estereotáxico, microscópio cirúrgico e Drill Pneumático, entre outros que oferecem mais segurança para o paciente, impacto no expertise da equipe de Neurocirurgia e qualidade no resultado final.

Ressaca de Carnaval

news ressaca

Os excessos durante o carnaval podem comprometer o bem-estar da população e ainda gerar muitos reflexos que podem prejudicar a saúde e volta a rotina profissional. Pensando nisso, o Hospital Universitário Clementino Fraga Filho (HUCFF) listou algumas dicas de recuperação da ressaca após a folia.

 

1.Adote hábitos mais saudáveis por meio de uma alimentação equilibrada com ingestão de frutas, verduras e legumes;

 

2. Hidrate-se! A água, a água de Coco e os sucos de frutas naturais, sem adição de açúcar, auxiliam na hidratação do corpo;

3. Pratique atividades físicas como caminhadas leves e moderadas para combater as dores musculares;

4. Além disso, compressas de gelo e água quente também são ótimas opções para aliviar as dores nas costas e nas pernas.

5. Repousar é essencial para recarregar as energias. Descanse e relaxe para voltar ao trabalho com pique total.

 

Assistência

Atende 42 especialidades médicas e 23 programas em alta complexidade. Possui um Programa de Transplante credenciado no Sistema Nacional de Transplante do Ministério da Saúde, para transplantar rim, fígado, córnea e medula óssea. Tem capacidade instalada atual de 250 leitos, com potencial para até 450 leitos ativos, na dependência do resgate de áreas não utilizadas e investimento em recursos humanos. Realiza por mês cerca de 20 mil consultas ambulatoriais, 450 cirurgias, e 700 internações.

Ensino

Recebe estudantes de graduação das diversas unidades acadêmicas da UFRJ. Por ano, oferece 200 novas vagas para o Programa de Residência Médica e 31 vagas para Residência Multiprofissional em Saúde. Campo de treinamento e formação de 1.795 alunos de graduação e pós-graduação, além de 333 residentes. A Residência Médica do HUCFF é uma das mais procuradas do país. O concurso para 2012 teve 2.230 candidatos inscritos para 206 vagas. Entre os cursos mais procurados estão o de Clínica Médica e Cirurgia Geral.

Pesquisa

O HUCFF abriga importantes laboratórios onde são desenvolvidas produções científicas e publicação de artigos. As recentes conquistas no setor de pesquisa são uma prova de que o hospital tem levado a sério o compromisso de garantir mais qualidade de vida a seus pacientes. É conhecido como um dos principais pólos de produção e disseminação de conhecimento saúde no estado e no país, além de conquistar crescente projeção internacional.